Pesquisar este blog

quinta-feira, 1 de março de 2012

Canção na plenitude...Lya Luft





Não tenho mais os olhos de menina
nem corpo adolescente, e a pele
translúcida há muito se manchou.
Há rugas onde havia sedas, sou uma estrutura
agrandada pelos anos e o peso dos fardos
bons ou ruins.
(Carreguei muitos com gosto e alguns com rebeldia.)
O que te posso dar é mais que tudo
o que perdi: dou-te os meus ganhos.
A maturidade que consegue rir
quando em outros tempos choraria,
busca te agradar
quando antigamente quereria
apenas ser amada.
Posso dar-te muito mais do que beleza
e juventude agora: esses dourados anos
me ensinaram a amar melhor, com mais paciência
e não menos ardor, a entender-te
se precisas, a aguardar-te quando vais,
a dar-te regaço de amante e colo de amiga,
e sobretudo força — que vem do aprendizado.
Isso posso te dar: um mar antigo e confiável
cujas marés — mesmo se fogem — retornam,
cujas correntes ocultas não levam destroços
mas o sonho interminável das sereias.
Lya Luft


Por: Wcastanheira Recebi de uma amável leitora, uma poetiza sensível e delicada q disse,_Wanderlen, vc poderia editar para q eu tenha o deleite de ler no seu blog q tão bem canta a beleza da mulher? Viu amiga, um mimo pra vc, postei!! Pra vcs bjos e bjos.

10 comentários:

  1. Adorável Lya, com sua maturidade e palavras simples: encanta!

    ResponderExcluir
  2. Este poema é precioso assim como todos os trabalhos de Lya Luft.
    O tempo transforma-nos por fora mas molda-nos a alma quando sabemos viver.

    ResponderExcluir
  3. Divina Lya! Texto lindo! Adorei! Obrigada pelo carinho! Ficaria muito feliz de Vê-lo entre meus seguidores! Uma sexta-feira abençoada! Abraço carinhoso!
    Elaine Averbuch Neves
    http://elaine-dedentroprafora.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  4. Oiiee, te achei pela blogosfera..
    Tô adorando seu cantinho.!
    Já estou te seguindo.!!

    Me viste tbm, vou adorar.
    http://lidiepaulo.blogspot.com

    Beijinhos ;*
    E já é sexta-feira \º/

    ResponderExcluir
  5. Acho que é o mais belo poema que eu ja li sobre mulheres.

    bjs

    ResponderExcluir
  6. Olá Castanheira,

    A idade traz sabedoria em todos os aspectos, e no amor, as pessoas se tornam mestras.

    Bom fim de semana.
    Beijos de luz.

    ResponderExcluir
  7. Apesar de ninguém gostar do que a idade nós traz a parte física do corpo, a parte mental e espiritual estão mais madura a ponto de compreender e aceitar tudo que a vida nós oferece, mesmo sem gostar realmente do que ela nós proporciona, mas de algum modo sabe e tem o bom senso de esperar o que de bom a vida e Deus tem á nos oferecer.

    ResponderExcluir
  8. Nossa, que poema mais belo!
    Adorei :)

    Beijos
    Ótima semana

    ResponderExcluir
  9. Bela citação poeta! Via de encontro ao meu novo projeto, um blog que fala sobre o cuidado ao idoso. Vou copiar pra em outra ocasião publicar tb no meu Blog! Bjo, tudo de bom!

    ResponderExcluir
  10. Que poema lindo, que um dia eu possa ser tão madura assim, no tempo certo, com a pessoa certa !

    Adolecentro

    ResponderExcluir