Pesquisar este blog

domingo, 26 de fevereiro de 2017

Novamente te encontrei na avenida...Olhar da Colombina


E eu te encontrei em meio a toda aquela multidão, no meio de tanta gente que ria, que desfilava feliz pela avenida, eu me dei conta de que era minha metade, de que te deixei ir por não ter coragem de enfrentar os fatos, não aceitei teu convite, neguei meu olhar, enfim, te deixei passar e quando te vejo numa festa, te encontro na avenida, ainda fico assim....
Eu que tanto pedi para que hoje fosse mais um daqueles dias de embriaguez de carnaval, de apenas assistir sentada ou encostada a qualquer coisa, assistir apenas e tão somente mais um carnaval, mudei ao te ver e tanto quis me entregar ao primeiro cara que aparecesse, já que não te tenho, logo eu no pico da minha fraqueza, te encontro por ai, meio que sem rumo querendo achar um lugar pra ficar e mesmo querendo gritar e te chamar pra entrar, não houve reação, paralisei, eu te perdia ali mais uma vez, deixei você passar, eu que sabia que apenas aceitar seu convite, já nos daria uma noite de prazer, deixei passar, a multidão aumentava mais e mais, o eco das gargalhadas se embaralhava nas lágrimas que escorriam dos meus olhos e entre um ou outro cara que me jogava uma cantada qualquer, eu te buscava, eu te caçava em cada rosto, em cada pierrô eu via você...
Só queria não ter perdido a fala quando te vi, não queria ficar assim todas as vezes que me deparo contigo em qualquer esquina ou mais um carnaval, sempre me deparo com a fraqueza que ainda vive em mim, eu não queria que fosse desse jeito, eu preferiria mil vezes ter te esquecido há alguns anos atrás quando tudo era possível, nossa amizade, tuas visitas e nada deixei acontecer, pois não imaginava que eu hoje teria tanta falta e tanta sede de você, a praia, a avenida tudo me lembra nossas possibilidades perdidas, mas cara você tem um efeito sobre mim que não consigo conter, vieram amores, vieram calores, mas só tua imagem ficou e hoje virou desejo quase obsessão, te ver na avenida ou no salão quase destrói meu pobre coração, mesmo com outro, ainda te aponto, ainda te mostro, veja ali está ele, eu, ora eu continuo aqui disfarçando que não gosto mais de ti, disfarce pra ninguém notar que nunca te esqueci.
Era pra ser mais um carnaval, mas uma lista de homens que nem sequer lembraria o nome, era pra ser um dia pra rir na semana que vem, era pra ser hilário, pra perder o juízo e esquecer a hora de voltar pra casa, mas foi apenas mais um dia, na lista de dias que não quis mais ninguém, mais um dia pra te procurar em cada esquina, um dia desses pra desabar em cima do travesseiro ao ser lembrado, um dia que a gente não programa, não faz questão de acontecer, mais um dia desses que você se dá conta de que não é feliz e que não adianta maquiar a situação, quando você menos espera a realidade bate na porta e te joga de cara naquilo que você tentou esconder esse tempo todo com meia dúzia de sorrisos baratos.
De nada valeu a balada ou o desfile  na avenida repleta de foliões, lá estava você com seu sorriso, com seu jeito, com sua fama de mulherengo e eu só, apenas observando quem poderia ser meu e se perdeu em outros braços, em outros beijos, em outra cama...
Mais um carnaval e eu novamente pensando, tivesse aceitado seu convite naquele dia e todos os carnavais eu teria...

POR: Wcastanheira  Em delírios de um final de tarde, hoje navegando nestes amores de carnaval, nestas pessoas q apenas vão a avenida para observar, para tentar de algum modo ver seus grandes amores ou quem sabe possível amor, mas passouuuu. Pra vcs bjinhos e bjinhos.

quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Por ela...Rei Roberto Carlos



Quando a gente ama alguém de verdade
Esse amor não se esquece
O tempo passa, tudo passa, mas no peito
O amor permanece
E qualquer minuto longe é demais
A saudade atormenta
Mas qualquer minuto perto é bom demais
o amor só aumenta
Vivo por ela
Ninguém duvida
Porque ela é tudo
Na minha vida
Eu nunca imaginei que houvesse no mundo
Um amor desse jeito
Do tipo que quando se tem não se sabe
Se cabe no peito
Mas eu posso dizer que sei o que é ter
Um amor de verdade
E um amor assim eu sei que é para sempre
É para eternidade
Quem ama não esquece quem ama
O amor é assim
Eu tenho esquecido de mim
Mas d'ela eu nunca me esqueço
Por ela esse amor infinito
O amor mais bonito
É assim nosso amor sem limite
O maior e mais forte que existe.

POR : Wcastanheira Recebi este mimo e decidi compartilhar com vcs. Pra vcs bjinhos e bjinhos. 

quarta-feira, 22 de fevereiro de 2017

Você foi meu sonho mais lindo....


Você foi o sonho mais lindo que eu já sonhei.
Queria poder não ter acordado mais, nem que eu ficasse em coma, assim meio inerte, mas com você ao meu lado, coladinha inteirinha só minha, que sono bom, que sonho perfeito!!
Eu pude deitar ao teu lado, te sentir por inteira, naquele sonho delirei em prazer e orgasmos de amor e paixão, senti você perfeita, sem passado, sem ex amor, sem ninguém para dividir ou distrair sua atenção, que sonho bom, que sonho perfeito.
Mesmo exausto você era capaz de tomar toda a minha atenção.
Estava tudo completo.
Só não queria poder acordar e perceber que nada daquilo existiu, se é que existiu, pois tem sonhos que se confundem com alguns momentos felizes da realidade e por vezes nem sei se foi sonhado ou vivido, por que, estar com você tem sido sempre o sonho mais lindo e perfeito da minha vida.
Você realmente foi meu sonho ou um pesadelo disfarçado, existe ou é apenas delírio deste poeta sonhador e confuso entre o amor e a realidade?
Eu realmente não me importaria, quero sonhar, quero viver, quero misturar vida, delírio e prazer, se é com você certamente é sonho bom....
Só queria poder te sonhar de novo, só mais uma vez, sonhar, delirar, viajar neste imaginário com você...

POR: Wcastanheira  Em delírios de um final de tarde, hoje apenas delirando, sonhando. Pra vcs bjinhos e bjinhoss.