Pesquisar este blog

quarta-feira, 10 de outubro de 2012

Sem planejar, nos encontramos

E assim, sem planejar nos encontramos, parece que o caminho da empresa até a praia conduzia nós dois ao mesmo ponto, ao reencontro... 
E assim linda como estava no escritório, ela repentinamente me apareceu e o amor...Aconteceu. 
E assim a tarde foi caindo e o dia se despedindo e a noite chegando e nós dois como crianças...Brincando. 
Foi lindo, foi mágico, foi sensual, foi acaso, foi casual. 
E a lua ocupou o lugar do sol e a terra ainda aquecida, foi nosso...Lençol. 
E a noite avança, mas já disse o poeta, _ a noite é uma criança, então vamos rolar, vamos brincar, vamos...Amar. 
E o sol se foi e a lua chegou e todos viram e aplaudiram o nosso...Amor.
 As estrelas decoravam o céu e ela linda e amada vestia este natural, véu. 
O tempo para os amantes já não anda como antes, corre, voa, então vamos ficar o relógio esquecer, deixa o tempo andar, vamos de nós dois cuidar e na noite e na madrugada, amar e amar...

POR: Wcastanheira        Em delírios de um final de tarde, hoje, viajando, delirando, só isso. Pra vcs bjos e bjos.

3 comentários:

  1. Um belo romance, cheio de amor e carinho...


    ResponderExcluir
  2. Boa noite...Adorei o reencontro
    deles e viajei junto de teu micro
    conto poetico, ficou lindo, suave e
    cheio de delirios...Amei!
    Abraços carinhosos da Tia Si!

    ResponderExcluir
  3. Estou ansiosa aguardando meu momento, meu encontro, minhas desconhecidas reações, é tudo uma icógnita...sonhando acordada...um dia...

    ResponderExcluir