Pesquisar este blog

sábado, 11 de dezembro de 2010

Por hoje, basta-me, a poesia... Para minha linda!!




Canto pq o instante existe, não sou alegre, nem sou triste sou poeta. Cecília Meirelles.
Alguém perguntou-me pq faço poemas?
Tento poetizar, apenas isto...
Poetizo pq fujo das coisas mundanos, viajo no delírio q é estar onde desejo, beijo a boca da noite, ouço o grito desesperado do silêncio, poetizo, pp poetizar é viajar, é poder estar onde muitos ditos mortais não conseguem estar, pois não se deixam derivar no mundo dos sonhos, não se deixam viajar na beleza da flor, não se permitem parar para admirar o encanto de um nascer do sol ou quem sabe a beleza delirante do aparecer da lua cheia, poetizo pq poetizar é permitir-se estar ao lado da sua musa, é tocá-la, beijá-la sem ao menos ferir seu orgulho e vaidade, por veses ouso pedir á minha linda por um abraço, mas só eu sei, só eu consigo dimensionar o medo e a tortura que seria receber, um não, enquanto na posia faço dela e para ela o mundo mais encantado que alguém pode imaginar ou esperar.
Poetizo, pq desejo oferecer a alma e o coração leve às pessoas, pq desejo infinatamente ser puro ou parecer um pouco anjo, pq conheci um dia a beleza e o delirio que é o paraíso de quem viaja neste sétimo e encantado céu.
Um dia alguém criticou a infantilidade em q pareço viver...Sb qp? Pq não dei a mim mesmo o direito de crescer e crescer tanto q perdesse um dia a encantada magia de ser criança, luto dia após dia, para manter viva e aceza minha força espiritual e minha leveza poética, tenho um trabalho, vida, família, despesas, dividas, chega... tenho tanto q até pareço ser normal, mas DEUS na sua infinita e imensurável bondade, DEU-ME à conhecer a beleza da poesia e com ela ver o encanto da flor, a magia da criança e a majestade única de cada amanhecer.
Hoje num momento sublime quase encantado, percebi um pouco mais do quanto é doce navegar no delírio do poema, ver a moça com vestidinho amarelo, ver minha linda todinha de amarelinho,imaginar, viajar, quase delirar na beleza que parece-me só ela sabe ter, mesmo sabendo q não é a cor dos seus sonhos, mas o q fazer se ao poeta tudo pode?
Ganhar ou dar, (não sei a dimensão deste valor), um abraço, bem apertado, encostadinho, sentir, provar o aroma dela e por conta da poesia viajar, delirar, ir ao céu e depois deste quase gosar de felicidades, voltar a terra e perceber qto foi bom ser poeta e tentar medir o quão seria triste ser apenas, homem.
Minha linda te amo e neste ato de te amar, tudo ou quase tudo me é pérmitido, pois nele sequer permito q ponhas limites ou q tua dor de cabeça venha a atormentar nossa felicidade, meu sentimento é pleno assim como minha poesia viaja na alma, repousa no coração e cria, delira e sonha na mente, assim deixo meu coração sangrar, minha felicidade viajar, minha esperança, esperar para ver se um dia quem sb eu ainda possa...te amar, de verdade, de carne, de sangue, de alma, mas a isto espero por um dia, por hoje, basta-me...a poesia.

Por: Wcastanheira Em delírios de um final de tarde, respondendo a alguém q insiste em ver minha poesia como coisa de criança, q bom, esta talvez seja minha maior proposta. À minha linda, minha dedicada poesia, meu delírio, vc me faz poeta, me faz anjo e eu fico aqui no desejo de te fazer...minha musa. Pra vcs bjos e bjos.

10 comentários:

  1. Que bonitas as tuas palavras,WC( por favor, é com o maior carinho o WC, ok?)!
    Não vejo nenhuma infantilidade em ser puro, quase como uma criança, amoroso, romântico, sonhador, idealista,apaixonado...
    Tudo isto só pode ter um significado... você é apenas um homem muito sensível.
    Ihhh... eu detesto chatos, intelectuais arrogantes... gosto de pessoas simples, mas cheias de conteúdo.
    Enfim, parabéns!
    Abraços
    Glória

    ResponderExcluir
  2. A poesia é como uma oração, claro que antes a oração e reflexão, depois a poesia, ela também bem que pode ser o nosso alimento de alma...
    Amei teu blog, por isso sigo-te!

    ResponderExcluir
  3. Menino W...
    Desejo...
    que sua inteligência
    lhe auxilie na compreensão
    de teus problemas,
    e que possa solucioná-los
    com a moeda de teu próprio suor...
    nos momentos difíceis
    possa olhar para o alto
    e pedir forças
    para continuar caminhando...
    compreender
    que o dom da vida
    é o maior tesouro que possui,
    que nenhum mal é eterno,
    nenhuma dor é insuportável...
    que possa também
    superar as dificuldades do caminho,
    que sua consciência
    esteja sempre em paz
    o suficiente para prosseguir
    com a certeza
    que o amor supera todo mal...
    enfim...que você,
    possa superar suas fraquezas
    e que você aprenda
    a ser um instrumento de paz
    Amém... Feliz Natal

    ResponderExcluir
  4. Meu querido

    Poesia pura de sentimentos...ternura de palavras, adorei.

    beijinhos
    Sonhadora

    ResponderExcluir
  5. Ai que lindo seu texto, me cativou e emocionou.....amei demais.
    Lindo domingo pra ti, beijos.

    ResponderExcluir
  6. que belos 'delírios', querido ...
    poetamos, como vc diz, para transcender ...

    ResponderExcluir